Corrupção


Eduardo dos Santos informou João Lourenço sobre a operação USD 500 milhões na passagem de pastas

2019-12-16 13:56:00

Imagem de destaque

Partilhar isto:

O antigo Presidente da República transmitiu ao seu substituto toda a informação sobre a operação relacionada com a criação do fundo de 30 mil milhões de euros

A revelação foi feita pelo advogado do ex-governador do Banco Nacional de Angola, Válter Filipe, na contestação apresentada aos juízes da câmara de crimes comuns do Tribunal Supremo.

De acordo com OPAÍS, João Lourenço, na época candidato a Presidente da República, só não participou na audiência que José Eduardo dos Santos concedeu aos promotores do aludido fundo, na Cidade Alta, a 17 de Setembro de 2017, muito antes de efectuar a transferência, por imperativo da agenda da campanha eleitoral, de acordo com o advogado Sérgio Raimundo.