Política


Justiça portuguesa congela contas bancárias de Isabel dos Santos

2020-02-11 16:52:00

Imagem de destaque

Partilhar isto:

Foram congeladas contas bancárias que a empresária angolana Isabel dos Santos tem em Portugal por ordem das autoridades judiciais portuguesas, avança o jornal Expresso e o Jornal Económico.

A justiça portuguesa mandou congelar dezenas de contas bancárias de Isabel dos Santos e das suas empresas, bem como do seu marido Sindika Dokolo, que estão domiciliadas em bancos nacionais, revelou ao Jornal Económico fonte próxima ao processo.?

O bloqueio judicial foi aplicado a contas que Isabel dos Santos detém no Eurobic. A empresária angolana pôs a sua participação naquele banco à venda na sequência do caso Luanda Leaks. A aquisição de 95% do capital do Eurobic pelos espanhóis do Abanca foi confirmada esta segunda-feira. Só neste banco, detalha o Jornal Económico, foram bloqueadas mais de dez contas bancárias. Contas no Millennium BCP e o BPI também terão sido congeladas, segundo este mesmo jornal.

A empresária está a ser investigada em Angola por suspeitas de gestão danosa e evasão fiscal num caso relacionado com a empresa petrolífera Sonangol, da qual foram transferidos 115 milhões de dólares para uma empresa alegadamente controlada por Isabel dos Santos.

Isabel dos Santos foi constituída arguida pelo Ministério Público de Angola acusada de má gestão e desvio de fundos da companhia petrolífera estatal Sonangol.

Segundo os documentos do Luanda Leaks, trabalhados por um consórcio de jornalistas de investigação, Isabel dos Santos terá montado um esquema de ocultação que lhe permitiu desviar mais de 100 milhões de dólares (90 milhões de euros) para uma empresa sediada no Dubai que tinha como única accionista declarada a portuguesa Paula Oliveira, amiga de Isabel dos Santos e ex-administradora da operadora Nos.