Política


Laborinho deixa o Interior e segue para Malanje

2020-06-29 15:39:00

Imagem de destaque

Partilhar isto:

O Presidente da República, João Manuel Gonçalves Lourenço, prepara-se para mexer em dois dos seus ministros de Estado (Casa de Segurança e Desenvolvimento Económico), convidando desta vez o economista Ricardo Daniel Sandão Queirós Veigas de Abreu para chefiar a equipa da coordenação económica em substituição Manuel José Nunes Júnior, avança o Club K.

Por seu turno, o ministro Eugénio César Laborinho que fazia gosto de ir para a Casa de Segurança da Presidência tem proposta para ir a Malanje substituir Fernando dos Santos “Kwata Kanawa” que cessa às funções do cargo de governador provincial.

O comissário-chefe Alfredo Eduardo Manuel Mingas “Panda” é, segundo fontes do Club-K, o escolhido para a pasta do Interior.

Entretanto, é dado como improvável o cenário avançado, após a última reunião do Conselho de Segurança, que apontava para a ascensão do recém-nomeado inspector-geral da Polícia Nacional, comissário  Domingos Ferreira de Andrade, ao cargo de comandante-geral da Polícia Nacional, em substituição de Paulo Gaspar de Almeida.